Especial: Holy Avenger

Saída de uma aventura de RPG para as páginas de um mangá 100% nacional, Holy Avenger fez tanto sucesso, que abriu caminho, mais tarde, para outro fenômeno de vendas, Turma da Mônica Jovem, do mesmo autor. Com uma história repleta de humor, romance, drama e aventura, Holy Avenger conquistou uma legião de fãs que adoram relembrar as confusões de Sandro, Niele e companhia.







Holy Avenger teve origem numa aventura de RPG, publicada em três partes na revista especializada Dragão Brasil, da editora Talismã, em 1998. No ano seguinte, seus autores, Marcelo Cassaro, JM Trevisan e Rogério Saladino, tiveram a idéia de adaptar sua obra para os Quadrinhos, criando esta que seria uma das mais bem sucedidas séries da história dos Quadrinhos Nacionais, ganhadora de diversos prêmios, entre eles o HQ-Mix e o Ângelo Agostini, de melhor publicação nacional no gênero.

Com argumentos de Marcelo Cassaro e desenhos, em estilo mangá, de Érica Awano, a revista conquistou, ao longo de suas 40 edições, um público fiel, composto não só de fãs de mangás ou RPG, mas de todos que apreciam uma boa aventura de fantasia e ficção.

Ambientada no cenário de Tormenta (muito popular entre os RPGistas brasileiros), a série possui começo, meio e fim, alternando momentos cômicos e dramáticos, de forma bastante equilibrada. A arte segue o padrão dos quadrinhos japoneses, em preto e branco. Apenas as capas e as páginas iniciais de cada edição são coloridas.


Sucesso de vendas, Holy Avenger foi republicada em novo formato (VR), gerou seis volumes encadernados da série, seis edições especiais, um livro de ilustrações, um cd de áudio, uma adaptação para o sistema d20 (RPG), e até mesmo um projeto de desenho animado, que ainda está em produção. À pedido dos fãs também foram publicadas duas edições extras (41 e 42), que se passam cinco anos após o término da série original.

O título Holy Avenger é uma homenagem ao Dungeons & Dragons, o jogo de RPG mais famoso do mundo, e quer dizer “vingadora sagrada”, nome dado a espada utilizada pelos guerreiros sagrados (paladinos). Considerando a trama da revista, o título também pode significar “Vingador Sagrado”, numa clara referência ao herói supremo da HQ, o Paladino. Outro ponto de ligação entre a revista e o RPG, é o fato de cada edição trazer matérias e fichas de personagens próprios para o desenvolvimento de campanhas (sessões de jogo) no cenário onde se passa a história.

O enredo narra as aventuras de Lisandra e seus amigos, Tork, Sandro e Niele, em busca dos Rubis da Virtude, jóias de imenso poder, capazes de reviver o heróico Paladino de Arton de seu sono profundo. Ao longo da jornada, novos personagens vão se juntando ao grupo em sua busca, seja para ajudar ou atrapalhar sua missão. Inimigos misteriosos, grandes desafios e reviravoltas surpreendentes, também fazem parte dessa bem costurada trama.

Principais Personagens:

Lisandra é uma jovem druida humana, criada na ilha pré-histórica de Galrásia. Como uma sacerdotiza de Allihanna, a deusa da Natureza, Lisandra é capaz de evocar poderes de cura, armas de madeira e se comunicar com animais silvestres. Desde que descobriu o paradeiro do Paladino, Lisandra tem tido terríveis pesadelos que sugerem que a vida do herói está em suas mãos e depende do sucesso em sua missão de recolher os Rubis da Virtude.


Sandro é filho do grande Leon Galtran, um dos ladrões mais famosos de todo Reinado, e sonha seguir os passos de seu pai desaparecido, muitas vezes até tentando se passar por ele. Infelizmente, Sandro não possui o menor talento para a carreira de ladrão e sempre acaba se metendo em confusões.

Niele é a maga elfa mais conhecida do mundo. Seu cajado mágico é capaz de realizar qualquer desejo de sua dona, porém, ela não controla muito bem todo esse poder, o que acaba resultando em erros dos mais absurdos. Niele é alegre e exuberante, mas se torna amarga e sombria quando tentam descobrir coisas sobre o seu passado. Tem uma queda por Sandro Galtran, mas já percebeu que ele gosta da Lisandra, e por isso, tenta colaborar para que ambos fiquem juntos.

Tork pertence a uma raça de trogloditas, uma espécie de guerreiros répteis. Por ser menor do que os membros de sua raça, Tork foi banido de sua tribo e, desde então, vive entre os humanos, atuando como mercenário. Fedorento, rabugento e brigão, poucos apreciam sua companhia, entre esses, Lisandra que é tratada por ele como se fosse uma filha.

Completam o elenco, o já citado Paladino, a centaura Odara, a cozinheira Petra, o bardo Luigi Sortudo, a gladiadora Loriane, o Capitão James K e sua irmã Anne, o necromante Vladislav, além dos vilões, Mestre Arsenal, Nekapeth, o elfo-do-mar Deenar, entre outros.

Quem quiser conhecer esse ótimo material vai precisar pesquisar um pouco uma vez que a revista já deixou de ser publicada há algum tempo. Mas vale muito a pena!

Marcelo Delmanto, 03/05/2009


Atualizado (dez/2014): A editora Jambô está relançando esse material em capa dura e edição especial. Até o momento já foram publicados 3 volumes, de um total de 4 programados. Os encadernados podem ser encontrados nas melhores livrarias ou na loja da editora: www.lojajambo.com.br